reunião corona

IBATÉ / Nota da Prefeitura de Ibaté sobre Coronavírus (COVID-19)

reunião corona

A Prefeitura de Ibaté informa que, na tarde desta segunda-feira (16), o prefeito José Luiz Parella se reuniu com toda a equipe de governo, além de profissionais de todas as áreas da saúde e educação para traçar um plano de ação estratégico de enfrentamento da doença COVID-19, com base na situação municipal e seguindo orientações dos governos federal e estadual.

Vale destacar que Ibaté não registra, até o momento, nenhum caso de Coronavírus. Em função disso, o município, segundo especialistas e critérios da Vigilância Nacional em Saúde, encontra-se no estágio de “Atenção”, diferente de capitais como São Paulo e Rio de Janeiro e outros municípios, que se encontram no último estágio, como o anunciado na sexta-feira (13), de “Transmissão Comunitária”, que é quando o vírus está instalado no município, sem identificação da fonte de infecção.

Assim sendo, a Prefeitura de Ibaté adotará medidas que condizem com sua realidade atual, de forma a não desorganizar os sistemas públicos de atendimento, bem como, garantir segurança no atendimento à população.

Entre eles, estão:

• Monitoramento diário da situação do vírus em Ibaté por meio da Criação do Comitê de Contingência do Coronavírus.

• Divulgação diária sobre a situação do Coronavírus na cidade, por meio de Boletins para a Imprensa.

• Suspensão gradativa das aulas no município, a partir desta segunda-feira (16), sendo que até o dia 20 as escolas estarão abertas para orientação e adequação dos pais e responsáveis pelas crianças. Do dia 23 em diante, suspensão total das aulas da rede pública até novo decreto.

• Criação de instrumentos de comunicação com a cidade, através de panfletos, orientando a respeito de prevenção, busca por diagnóstico, telefones úteis, atualização de dados e outras informações importantes.

• Fechamento do Centro de Convivência da Melhor Idade, Academia Municipal do Jardim América, Centro Comunitário e do Centro Cultural do Jardim Cruzado, a partir desta terça-feira, 17.

Ressaltamos que a Secretaria Municipal de Saúde já iniciou o protocolo de segurança a ser adotado na rede municipal de Saúde e o prefeito municipal determinou a aquisição de álcool em gel para disponibilizar em todos os Departamentos da Prefeitura, inclusive na totalidade das salas de aulas, a partir de hoje (16).

Vale destacar que, por meio do Comitê Diário a ser formado já nesta segunda-feira, a cidade vai monitorar a situação e o estágio de contaminação. Obviamente que, se houver a caracterização de outros estágios como “Estágio de Contenção – que é quando há caso confirmado da doença e identificação da fonte de infecção” ou “Estágio de Transmissão Comunitária – já explicado acima”, a Prefeitura de Ibaté deverá adotar outras medidas.

Destaca-se ainda que as medidas preventivas são as melhores formas de combater a doença. Por isso, atente-se às dicas:

– Lave bem as mãos com água e sabão ou utilize álcool em gel.

– Cubra sempre o nariz e a boca ao espirrar ou tossir, porém, não com as mãos e sim com o cotovelo.

– Evite aglomerações se estiver doente.

– Mantenha os ambientes bem ventilados.

– Não compartilhe nenhum objeto pessoal.

A Prefeitura de Ibaté reforça o pedido de colaboração de toda a população para que não tenha circulação de informações sem veracidade evitando que haja pânico e desorganização social. Hoje a cidade não conta com NENHUM CASO CONFIRMADO, porém, a Prefeitura se manterá atenta diariamente e toda e qualquer “movimentação da doença no município”, a população será informada pelos meios oficiais de comunicação e pela imprensa. Também serão informadas as medidas a serem adotadas, diante da mudança da realidade atual.

reunião corona virus

Dia das Mulheres Escola JBM 98

IBATÉ / Escola Julio B. Mendes celebra o Dia Internacional da Mulher

Dia das Mulheres Escola JBM 98

O mês de março começou em grande estilo na Escola Municipal “Julio Benedicto Mendes” com o Projeto Leitura. Para comemorar o Dia Internacional da Mulher a Unidade de Ensino recepcionou os funcionários e os docentes que lecionam no período matutino com um delicioso café da manhã e os professores que trabalham no período vespertino com um saboroso café da tarde. A escola também contou com uma decoração especial e a direção e coordenação da Unidade de Ensino fizeram uma linda e emocionate homenagem para as mulheres.

Preocupada em formar bons leitores a escola deu continuidade com o projeto que tem o intuito de tornar a leitura um momento prazeroso para seus alunos, já que ela possui uma função de extrema importância no ensino/aprendizagem, uma vez que a partir do desenvolvimento da sua competência esse aluno tornar-se proficiente em todas as disciplinas.

Segundo o diretor Alexandre Moraes Gaspar a escolha do tema tem como objetivo celebrar as conquistas sociais, econômicas, políticas e culturais das mulheres ao longo da história. “Hoje, além do caráter comemorativo, a data é marcada também por ser um momento de reflexão e conscientização sobre as desigualdades de gênero. O tema é essencial, sobretudo para conscientizar sobre a promoção do respeito entre homens e mulheres, garantindo a igualdade de oportunidades e inspirando a próxima geração”.

O evento foi marcado por alegria e emoção e contou com a presença do vice-prefeito Horácio do Carmo Sanches e da presidente da Câmara Regina Célia Alves de Queiróz. Todas as mulheres da Unidade de Ensino foram homenageadas, ou seja, as professoras Marli Nogueira, Carmen Gurgel, Rita Libutti, Marlene Aleixo, Adriana Escrivão, Ana Cláudia Tinto, Cristina Escudero, Vânia Frésca, Bruna Drappe e Deise dos Santos. As funcionárias e a estagiária também receberam o carinho da direção e coordenação. São elas: Sandiele Silva, Donara de Arruda, Vitória Zilioli, Katia dos Santos, Lucélia dos Santos, Cecília da Silva, Sueli de Almeida, Janise Lima, Paula Pereira, Bianca Milani, Cristina Vergis, Ariane Milhorini, Eliane Silva e Carla Maquedano.

No período da manhã a turma do 4º Ano A da professora Marli fez uma apresentação sobre a história da mulher ao longo dos anos, finalizando com um lindo poema. Já no período da tarde os alunos da professora Rita do 4º Ano C emocionaram os presentes cantando a música da Paula Fernandes chamada “Você Mulher”.

Para finalizar as homenagens o diretor Gaspar e a coordenadora Rosangela exibiram um lindo vídeo e entregaram uma rosa e uma bolsinha com um batom para professoras, estagiária, funcionárias e convidadas. O diretor ressaltou também o envolvimento e dedicação de todos os docentes e funcionários para que o ambiente escolar esteja sempre alegre e atrativo. “Nossa escola está sempre decorada para ser um local aconchegante e inspirador para os alunos. Os professores são competentes e estão sempre buscando algo novo para que o aprendizado seja cada dia melhor. Gostaria de destacar também o trabalho de todas as funcionárias e da coordenadora Rosangela Cruz, que fazem a diferença na vida dos alunos. Parabéns a todas as mulheres, que em seus diferentes papéis, com força e determinação têm contribuído para construir uma sociedade mais justa, humana, fraterna e solidária”, concluiu Gaspar.

O chefe do Executivo José Luiz Parella (PSDB) também parabenizou as mulheres. “Hoje é um momento propício para rendermos homenagens a quem mantém ativa a batalha pela valorização do sexo feminino. Elas transmitem coragem, esperança, força, amor, sensibilidade, inteligência e vida. É uma data especial para todas que lutam diariamente por um mundo melhor. Parabéns!!!”, destacou o prefeito.

recape presidente color 1

SÃO CARLOS / Bairro Presidente Collor vai ser recapeado com recursos do próprio município

recape presidente color 1

Serão recapeados mais de 50 mil m2 de vias com investimento de R$ 1,8 milhão

O prefeito Airton Garcia e o secretário de Obras Públicas, Reginaldo Peronti, assinaram na tarde desta segunda-feira (9/3), a ordem de serviço para dar início aos serviços de recapeamento nas ruas do bairro Presidente Collor.

O investimento será de R$ 1.807.726,37 com recursos próprios do município. No total serão recapeados 51.375,97 metros quadrados de vias. O serviço começa essa semana.

“O serviço de recape não vai parar até o final da minha administração. Sempre que podemos utilizamos recursos próprios para fazer recape, além dos recursos que já conseguimos junto a Caixa Econômica Federal e ao Banco do Brasil. A minha intenção é recapear 90% das ruas da cidade em quatro anos”, disse o prefeito Airton Garcia que pediu celeridade nas obras.

Reginaldo Peronti explicou que além do bairro Presidente Collor, algumas ruas do Cidade Aracy II também vão ser recapeadas. “Vamos iniciar os serviços ainda essa semana pelo Presidente Collor, porém também vamos fazer algumas ruas do Cidade Aracy que não foram contempladas em outros convênios. Fizemos um planejamento, um traço fino na região, e vamos fazer todas as ruas que faltam. Importante ressaltar que essa região não estava prevista nos R$ 30 milhões, por isso fizemos outro processo licitatório, mas com recursos próprios”, finalizou o secretário de Obras Públicas.

Também participaram da assinatura do novo convênio os secretários de Agricultura e Abastecimento, Paraná Filho, que reivindicou o recape do bairro Presidente Collor e de e de Planejamento e Gestão, Caco Colenci.

Recape 30 milhões – Foram realizadas duas licitações, no total são 6 lotes. Os envelopes referentes a Concorrência de Nº 03/2019, Processo Administrativo N.º 16303/2019 e da Concorrência N.° 04/2019, Processo Administrativo N.º 16304/2019 já foram abertos. O valor máximo fixado pela administração para a Concorrência de Nº 03/2019 foi de R$ 25.048.849,78 e para a Concorrência 04/2019 de R$ 10.740.262,30. No momento a Comissão de Licitações aguarda os chamados prazos de recursos.

Com esses valores a Secretaria Municipal de Obras Públicas estima recapear outros 1.500 quarteirões, atendendo mais 27 bairros. Nessa etapa receberão os serviços os seguintes bairros: Jardim Medeiros, Jardim Beatriz, Vila Carmem, Boas Vista (1 e 2), Recreio dos Bandeirantes, Jardim Paulista, Jardim Bandeirantes, Acapulco, São Carlos III, Ipanema, Santa Mônica, Jardim Brasil, Vila Monteiro, Jardim Ricetti, Portal do Sol, Cardinalli, Bicão, Vila Nery, Centro (trechos da ruas XV de Novembro, Carlos Botelho e Rui Barbosa), Jardim Tortorelli (duas últimas ruas), Samambaia, Vila Marina, Jacobucci, Vila São José, Munique, Itamarati, Maria Stella Fagá e trechos da avenida Trabalhador São-carlense, próximo à USP e terminal rodoviário. Os R$ 30 milhões são provenientes de recursos do Banco do Brasil.

Circuito Arena especial 4

SÃO CARLOS / Dia Internacional da Mulher é comemorado com muita música em São Carlos

Circuito Arena especial 4

Para comemorar o Dia Internacional da Mulher a Secretaria Municipal de Esportes e Cultura, por meio do Centro Municipal de Artes e Cultura (CEMAC), preparou um fim de semana musical para a população, com shows gratuitos e somente com cantoras da cidade.

A comemoração começou no sábado (7/3) no Teatro Municipal Drº Alderico Vieira Perdigão com o show de Regina Dias. A cantora levou para o palco do municipal a irreverência de Rita Lee no show “Mais louco é quem me diz”, um tributo a cantora que com seu com seu estilo eclético, rompeu com rótulos ao compor canções que transitam pelo rock, pelo pop e pela MPB.

O público cantou e até dançou nas laterais do Teatro Municipal com canções consagradas como “Ando Meio Desligado”, “Agora Só Falta Você”, “Lança Perfume”, “Jardins da Babilônia”, “Doce Vampiro”, “Balada do Louco”, “Pagu” e “Amor e Sexo”, entre outras.

Para Regina Dias a proposta da Prefeitura de comemorar datas especiais com artistas da terra é muito importante para a classe. “É uma forma de mostrar o nosso trabalho para o público da cidade de forma gratuita. É um grande incentivo para criarmos novos espetáculos”, disse a cantora que se apresentou com Murilo Barbosa no teclado, Tuco no violão e guitarra, Ricieri Nascimento no baixo e Bruno Bernini na bateria.

No domingo (8/3) a festa foi ao ar livre no Teatro “José Saffioti Filho”, anexo ao Teatro Municipal Drº Alderico Vieira Perdigão. O público lotou as arquibancadas e o jardim do Teatro de Arena do centro para assistir ao show de oito mulheres.

O show “Mulheres de Voz” reuniu Maria Butcher, Mariana Freitas, Jes Condado, Lê Lopes, Nara Dom, Vanessa Medalla, Gi Guastaldi e Mayra Aveliz. Quem foi escutou muito rock, MPB, samba e sertanejo.

De acordo com o diretor de Cultura, Carlos Alberto Caromano, em março a programação continua com a realização do segundo Arena Móvel das Artes, projeto desenvolvido Prefeitura de São Carlos, com objetivo levar manifestações culturais à população. “Desta vez vamos realizar o Arena Móvel no Jardim Munique nos dias 27, 28 e 29 de março com oficina de circo, cinema, teatro e dança”.

O Arena Móvel das Artes é uma releitura do Tenda Móvel de Teatro, projeto desenvolvido também pela Prefeitura de 2007 a 2012, porém agora com diferentes apresentações artísticas, reafirmando o propósito de levar cultura a todas as regiões da cidade. A primeira edição do novo Arena Móvel das Artes foi em 2019 no bairro Planalto Verde.

CDHU 13

SÃO CARLOS / CDHU entrega 928 matrículas de imóveis em São Carlos

CDHU 13

As 48 famílias que quitaram o financiamento habitacional também receberam a escritura definitiva do seu apartamento

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), braço operacional da Secretaria de Estado de Habitação, entregou no último sábado (7/3), No Ginásio Milton Olaio Filho, em São Carlos, as matrículas individualizadas dos 928 apartamentos do Conjunto Habitacional Waldomiro Lobbe Sobrinho, conhecido na cidade como apartamentos da CDHU.

Além da matrícula, 48 famílias que já quitaram o financiamento habitacional também receberam a escritura definitiva de seus imóveis. Com a presença do diretor de Atendimento Habitacional da CDHU, Marcelo Hercolin, do prefeito Airton Garcia, do secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Muller, da secretária de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, do diretor da Prohab, Júlio Cesar Alves Ferreira, da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Lucinha Garcia, do vereador Rodson Magno, além de outras autoridades de São Carlos e região, os documentos foram entregues para todos os mutuários que compareceram ao Ginásio.

O Conjunto Waldomiro Lobbe Sobrinho, entregue por fases em 2002 e 2003, foi edificado em um terreno adquirido pela CDHU junto à extinta Ferrovia Paulista S/A (FEPASA), incorporada pela Rede Ferroviária Federal S/A, também extinta, o que dificultou a imediata regularização. Os imóveis foram, posteriormente, regularizados e averbados no cartório de imóveis pela CDHU.

Hoje os mutuários receberam um número de matrícula individual e poderão obter a escritura de sua moradia no cartório assim que quitarem os seus financiamentos habitacionais. Dessa forma, o morador se torna de fato o proprietário do imóvel, o que lhe garante o acesso ao mercado formal de crédito ou até comercializar sua casa ou transferi-la para seus herdeiros, entre outros benefícios”, explicou diretor de Atendimento Habitacional da CDHU, Marcelo Hercolin.

“Esse documento é importante para os mutuários porque é uma segurança jurídica. Quem continua pagando o financiamento, vai receber a matrícula individualizada. Quando quitar o financiamento do imóvel, o apartamento automaticamente já passa para o nome dele”, observou João Muller, secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

O vereador Rodson Magno garante que vem auxiliando esses moradores para conseguirem a escritura em definitivo desde seu primeiro mandato. “O empreendimento tem mais de 21 anos e quando iniciei o meu trabalho como vereador, em 2013, fui até a CDHU em busca dessas escrituras. Finalmente cerca de 50 moradores vão receber a escritura definitiva e o restante a escritura provisória”, comemora o vereador.

“Estou muito feliz. Faz tempo que andava atrás desse documento e estava difícil. Agora estou tranquila”, garantiu Arlete Vieira, moradora do conjunto habitacional há de 17 anos.

A moradora Norma Rodrigues Penteado disse que sempre pagou tudo certinho. “Sinto uma coisa boa, honesta. Sempre paguei tudo em dia e agora finalmente sou dona do meu apartamento. Agradeço a todos, especialmente ao pessoal da Prefeitura que nós ajudou muito”.

Para o prefeito Airton Garcia segurar com as próprias mãos o documento que prova que você é o dono da sua casa é tudo que os moradores queriam. “O cidadão precisa ser dono no papel, ele precisa ter o título de posse. Se ele não tem o título, ele não tem nem condição de defender o seu imóvel. Se morre, ele não deixa herança, deixa rolo. Então hoje tudo começou a mudar. Demorou quase 20 anos, mas o documento chegou. E eu fico muito feliz de ter podido fazer parte dessa entrega, para tantas famílias, para tantas mães, para tantos trabalhadores, para quase mil são-carlenses”, disse Garcia.

escola segundo carlos lopes

IBATÉ / Alunos de escola estadual participam de simulação para aprender a reagir em caso de perigo extremo

escola segundo carlos lopes

Ação em Ibaté será acompanhada em tempo real por câmeras de segurança; protocolo é projeto piloto que será expandido a toda rede

Os alunos da Escola Estadual Segundo Carlos Lopes, em Ibaté, participam nesta quarta-feira (4) de uma simulação de perigo extremo. Os estudantes estão sendo treinados pela Polícia Militar em como reagir nestes casos.

A ação faz parte do “Protocolo de Proteção e Defesa da Vida nas Escolas”, iniciado no ano passado, que visa oferecer treinamento para situações de desastre e medidas emergenciais no ambiente escolar. “Este trabalho vai contribuir com a segurança das nossas crianças nas escolas estaduais e municipais. Todos sabem que tenho um carinho e atenção muito grande pelas nossas crianças, não só na questão da segurança, mas em todos os setores”, comentou o prefeito José Luiz Parella.

No ano passado, os alunos desta mesma escola participaram de uma simulação de incêndio, seguida de um plano de abandono. Desta vez, a Polícia Militar vai trabalhar com a simulação de perigo extremo. Na quarta, a ação começa a partir das 7h, e será guiada por um comando de voz que vai anunciar, de forma fictícia, que a escola está em “perigo”.

Segundo a Polícia Militar, que participa da ação, os estudantes têm participado de palestras e atividades para que no dia do simulado tenham reações treinadas de acordo com o protocolo.

Monitoramento em tempo real

O simulado será monitorado em tempo real a partir do COI (Comando de Operações Integradas, em São Paulo) pelas câmeras adquiridas por meio de investimento de 17 milhões de reais em equipamentos de segurança, em toda a rede estadual. Todas as escolas da rede passarão gradualmente a ter os equipamentos de segurança e o espalhamento de câmeras no COI.

A intenção é testar o protocolo de segurança como projeto piloto para ser implementado em todas as escolas durante todo o ano. “Ibaté sai na frente, mais uma vez, em um projeto pioneiro no Estado de São Paulo”, afirmou o prefeito Zé Parrella.

O evento de simulação contará com as participações da Defesa Civil do Estado, da Polícia Militar; Corpo de Bombeiros; SAMU; Guarda Municipal de Ibaté; e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

A Escola Estadual Segundo Carlos Lopes está localizada na rua Dr.

Teixeira de Barros, 388, no bairro Vila Santa Terezinha.

Mais medidas de segurança

Outras ações de segurança já foram implementadas na atual gestão. Uma das primeiras medidas adotadas foi a criação do Gabinete Integrado de Segurança e proteção Escolar (Gispec), com a presença de policiais militares na Secretaria da Educação. O intuito é aprimorar as ações de segurança na rede estadual de ensino.

Outra novidade foi a criação do Programa Escola Mais Segura, uma parceria entre a Segurança Pública e a Educação. Trata-se de um plano de segurança arquitetado com o objetivo de garantir e reforçar a segurança nas instituições educacionais que integram a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo.

Primeiros Socorros JBM 56

IBATÉ / Escola Julio B. Mendes promove palestra sobre primeiros socorros

Primeiros Socorros JBM 56

A informação é o ponto de partida para a prevenção de acidentes.

Pensando assim, a Escola Municipal “Julio Benedicto Mendes” promoveu na segunda semana de aulas (12/02) uma palestra sobre situações de risco que podem ocorrer nos ambientes doméstico e escolar.

O cabo Abimael Gonçalves Ramos do Corpo de Bombeiros de São Carlos orientou e mostrou para os alunos, professores e funcionários como acontecem alguns dos acidentes mais registrados e ensinou como evitá-los.

Segundo o diretor Alexandre Moraes Gaspar a principal finalidade foi contribuir para minimizar as possibilidades de acidentes e estimular a autonomia dos profissionais e dos alunos para os primeiros cuidados em situações de urgência e emergência. “Sabemos que tanto os adultos quanto as crianças podem vivenciar situações de emergência por causa de acidentes ou lesões. É muito importante que os professores e os funcionários tenham um conhecimento básico de primeiros socorros. Além de tranquilizar a criança, um docente ou um funcionário treinado saberá como proceder até a chegada do socorro especializado”, comentou Gaspar.

O evento contou com a presença do vice-prefeito Horácio do Carmo Sanches e despertou nos alunos o senso de atuação em primeiros socorros e a importância de agir de forma correta e com eficácia, mantendo a concentração e a calma em situações de emergência.

Segundo o vice-prefeito o objetivo da palestra não é substituir o atendimento especializado, mas orientar os profissionais que trabalham no ambiente escolar e os alunos o que fazer em caso de algum tipo de acidente. “Essas ações podem fazer a diferença e até salvar vidas. É de suma importância oferecer essas informações à todos os funcionários e alunos. A palestra foi um sucesso. A equipe escolar se envolveu e os alunos demonstraram interesse e fizeram muitas perguntas, participando ativamente”, relatou Horácio.

Para o diretor da Unidade de Ensino as escolas e os professores têm um papel importante na promoção da saúde e na prevenção de doenças e acidentes entre crianças e adolescentes no âmbito escolar. “Em muitas situações, a falta de conhecimento acarreta em inúmeros problemas como estado de pânico ao ver a vítima, manipulação incorreta e solicitação desnecessária do socorro especializado em emergência. É nesse contexto que se torna importante o conhecimento sobre primeiros socorros entre professores e funcionários. A escola deve ser protagonista nas ações de proteção da saúde e do bem-estar, sendo responsável pela idealização e manutenção de planos de segurança com o intuito de reduzir o número de acidentes, garantindo dessa forma um local protegido para brincadeiras e atividades. Apesar dos alunos terem pouca idade, é necessário que saibam as noções básicas de primeiros socorros. Essa orientação é de fundamental importância para a formação integral dos discentes como cidadãos”, destacou Gaspar.

Para finalizar a palestra o diretor abordou sobre os desafios que circulam na internet. “Uma nova moda entre os adolescentes é uma “brincadeira” um tanto perigosa que pode causar de sequelas graves até a morte. Diversos vídeos com três jovens posicionados lado a lado, onde o do meio é convidado a pular e em seguida recebe uma rasteira de surpresa, viralizaram na internet. Destacamos e reforçamos que brincadeira é quando todos os envolvidos gostam e se divertem, e que devem ficar atentos aos desafios da internet, ressaltando que o diálogo com os pais e com os professores é de extrema importância para construirmos uma sociedade mais justa, com mais amor e empatia”, finalizou Gaspar.

Para o Prefeito José Luiz Parella (PSDB) é importante que o tema seja trabalhado e discutido dentro do ambiente escolar. “O ambiente escolar é o local onde passamos boa parte da vida, por isso é necessário que nossos professores e funcionários estejam aptos a prestar um atendimento a fim de assegurar e preservar a vida dos alunos. Eventos como esse podem fazer a diferença! Além disso, os alunos ao chegarem em suas casas realizam um importante papel, que é de multiplicar as informações que aprenderam na escola. Parabéns para a direção e coordenação da escola Julio Mendes”, finalizou o chefe do Executivo.

Regina Dias

SÃO CARLOS / Show de Regina Dias abre programação do mês da mulher em São Carlos

Regina Dias

A cantora vai apresentar os maiores sucessos da roqueira Rita Lee em show tributo

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, 8 de março, a Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Esportes e Cultura e do Centro Municipal de Artes e Cultura (CEMAC), preparou uma programação especial para o mês de março.

O show principal será com a cantora Regina Dias no sábado, dia 7 de março, às 20h, no Teatro Municipal Drº Alderico Vieira Perdigão, com entrada gratuita. Regina Dias vai levar para o palco do municipal a irreverência de Rita Lee no show “Mais louco é quem me diz”, um tributo a cantora que com seu com seu estilo eclético, rompeu com rótulos ao compor canções que transitam pelo rock, pelo pop e pela MPB.

“A proposta é trazer uma releitura dos sucessos e da irreverência de Rita Lee, concebido com característica semiacústica, mas mantendo a harmonia das canções originais”, revela Regina Dias.

Regina vai interpretar composições de várias fases de Rita Lee desde os anos 70 ainda com os Mutantes. Músicas como “Ando Meio Desligado”, “Agora Só Falta Você”, “Lança Perfume”, “Jardins Da Babilônia”, “Doce Vampiro” e “Balada Do Louco”, além das composições mais recentes como “Pagu” e “Amor e Sexo”.

De acordo com Carlos Alberto Caromano a programação toda vai ser realizada com cantoras da cidade. “Vamos fazer uma homenagem às mulheres de São Carlos com cantoras da cidade. Vai ser uma grande apresentação de Regina Dias que já produziu vários shows temáticos em tributo, como de Elis Regina e tantos outros nomes da MPB. Esperamos um grande público no Teatro Municipal. Como temos lugares limitados pedimos para que o público retire seu ingresso, gratuitamente, meia hora antes do show na bilheteria do Municipal”, alerta Carlos Alberto Caromano.

A direção musical de “Mais louco é quem me diz” é de Murilo Barbosa (teclado) com Tuco Andrade (violão e guitarra), Ricieri Nascimento (baixo) e Bruno Bernini (bateria).

A entrada é gratuita e os ingressos poderão ser retirados meia hora antes da apresentação. O Teatro Municipal está localizado na rua 7 de Setembro, nº 1.735, no centro.

Circuito Arena Especial – Já no domingo, dia 8 de março, a partir das 18h, no Teatro “José Saffioti Filho”, conhecido como Arena do centro, anexo ao Teatro Municipal Drº Alderico Vieira Perdigão, oito cantoras se apresentam no show “Mulheres de Voz”. Sobem ao placo do Arena Especial Maria Butcher, Mariana Freitas, Jess Condado, Lê Lopes, Nara Dom, Vanessa Medalla, Giovanna Guastaldi e Mayra Aveliz.

Fundo Social reunião 1

SÃO CARLOS / Fundo de Solidariedade recebe representantes de cinco municípios para discutir ações sociais

Fundo Social reunião 1

A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Lucinha Garcia e a diretora, Lessandra Almeida, receberam na manhã desta sexta-feira (28/02), representantes dos municípios de Ribeirão Bonito, Monte Alto, Descalvado, Santa Maria da Serra e Serrana.

Na pauta da reunião os cursos oferecidos pelos municípios por meio de Fundos de Solidariedade e as campanhas realizadas em prol da população em situação de vulnerabilidade social. Outro assunto discutido foi como as entidades podem ajudar as vítimas de enchentes com a doação de móveis, agasalhos e alimentos.

As presidentes dos fundos sociais também falaram sobre as novas diretrizes do Fundo Estadual que trabalha na promoção de autonomia e renda com o oferecimento de cursos que capacitem e possibilitem a entrada no mercado de trabalho. “Muitos cursos foram reformulados e novas capacitações entraram na grade, além das novas escolas como de Informática e Computação e de Bioconstrução foram abertas, porém estamos batalhando para conseguir estabelecer novos convênios. Continuamos oferecendo cursos como de manicure e pedicure, corte e costura, assistente de cabeleireiro e de pedreiro, assentador de pisos e azulejos, mas também queremos oferecer novas opções”, disse Lucinha Garcia, presidente do FSS de São Carlos.

As presidentes também trocaram experiências em relação às campanhas para arrecadação e doação de agasalhos. Os municípios conheceram o projeto itinerante de doação de agasalhos de São Carlos por meio do caminhão do FSS que fica estacionado em data pré-determinada em uma unidade da Prefeitura e no local os moradores podem escolher roupas, agasalhos e calçados de acordo com a necessidade da família. O projeto foi criado para atender as famílias carentes que não conseguem se deslocar até a sede do Fundo Social de Solidariedade, localizado na Vila Marina.

Participaram da reunião Sebastiana Rodrigues Pereira, presidente do FSS de Ribeirão Bonito e Jocinéia Magalhães de Bonis, responsável pelo CRAS do município; Maria do Carmo Reschini primeira-dama de Descalvado; a primeira-dama de Monte Alto, Luciana Alexandre; a primeira-dama de Santa Maria da Serra, Delair Bistafa e Bruna de Paula Moreira, assistente social; e a coordenadora do Fundo Social de Serrana, Maria da Silva e a assistente social, Joana Laura Dias.

assinatura convênio assistência social 1

SÃO CARLOS / São Carlos receberá R$ 780 mil para custeio de projetos da assistência social

assinatura convênio assistência social 1

A secretária de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, assinou na tarde da última quinta-feira (27/02), no Palácio dos Bandeirantes, convênio com o Governo do Estado de São Paulo, via Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, para receber R$ 780 mil para o Fundo Municipal de Assistência Social. São Carlos faz parte da macro região III juntamente com Barretos, Franca, Ribeirão Preto e Araraquara.

No total o Governo do Estado repassou R$ 131 milhões para 261 municípios. São recursos que devem ser aplicados nos serviços oferecidos a pessoas em situação de vulnerabilidade social ou risco social, pessoas em situação de rua e violência, pessoas com deficiência, em situação de discriminação em decorrência de orientação sexual/raça/etnia, adolescentes em conflito com a lei e migrantes, entre outros.

“Ao repassarmos o recurso para o município responsável pela gestão e escolha dos serviços socioassistenciais, queremos garantir o fortalecimento da rede de proteção local atendendo as demandas reais de seus moradores”, afirmou a secretária de Desenvolvimento Social do Estado, Célia Parnes.

Segundo Glaziela Solfa Marques os recursos serão utilizados no custeio e manutenção dos serviços socioassistenciais oferecidos por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), do Centro Especial de Referência de Assistência Social (CREAS) e dos programas de acolhimento. “Esses recursos são muito importantes para a Prefeitura poder manter os programas desenvolvidos para atender pessoas em vulnerabilidade social, indivíduos em situação de risco pessoal e resolver situações de violações de direitos”, explicou a secretária de Cidadania e Assistência Social de São Carlos.

De acordo o Sistema Único de Assistência Social, é responsabilidade do Estado o cofinanciamento dos serviços, ações e programas socioassistenciais.