mico leão dourado 3

SÃO CARLOS / Filhote de mico-leão-dourado é o mais novo morador do Parque Ecológico de São Carlos

mico leão dourado 3

O Parque Ecológico de São Carlos “Dr. Antônio Teixeira Viana” anunciou nesta segunda-feira (16/12) que no início deste mês nasceu mais um filhote do ameaçado mico-leão-dourado (Leontophitecus rosália), uma espécie de primata natural de uma pequena área da Mata Atlântica no Estado do Rio de Janeiro.

A gestação dura aproximadamente 129 dias e os nascimentos ocorrem de setembro a março. Os micos-leões mostram um sistema social de grupos familiares territoriais com cuidados cooperativos em relação à prole. Todos na família ajudam a tomar conta do novo filhote, seja carregando-os nas costas, defendendo-os contra predadores, fornecendo alimento diretamente ou ensinando o filhote a procurar presas.

As principais características da espécie são: os pelos em tons de vermelho-dourado, longos braços, dedos longos e com garras nas mãos, fortes pernas e longa cauda permitem uma locomoção ágil e acrobática. Os pequenos macacos não pesam mais que 800g.

É uma espécie que corre risco de extinção, listada como espécie em perigo tanto pela IUCN (internacional) quanto pelo ICMBio (nacional). Ocorre quase que exclusivamente na Reserva Biológica Poço das Antas, na Reserva Biológica União e em fragmentos florestais nos arredores. Existem cerca de 3.200 indivíduos em liberdade, graças a inúmeros esforços na conservação e reprodução da espécie sob cuidados humanos em zoológicos e criadouros. As populações em cativeiro são relativamente estáveis e contribuem de forma decisiva para recuperar a população de micos na natureza. O mico-leão-dourado é uma espécie de bandeira na conservação da Mata Atlântica brasileira.

O Parque Ecológico participa a 20 anos do programa de recuperação da espécie, sendo que já nasceram 20 filhotes ao longo destas décadas. “Nós já enviamos exemplares para soltura na natureza e para outros países reforçando que as populações em cativeiro são essenciais para a sobrevivência da espécie em longo prazo”, explica Fernando Magnani, diretor do Departamento de Defesa e Controle Animal da Secretaria de Serviços Públicos, lembrando que o filhote recém-nascido pode ser visto pelo público no recinto dedicado a espécie.

O Parque Ecológico “Dr. Antônio Teixeira Vianna” está localizado na Estrada Municipal Guilherme Scatena, km 2. O Parque é aberto para visitação pública gratuita de terça-feira a sábado, das 8h às 16h30 e aos domingos, das 8h às 17h30, inclusive aos feriados. Outras informações podem ser obtidas pelo email pq.ecosc@saocarlos.sp.gov.br ou pelos telefones (16) 3361-2429 ou 3361-4456.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário